Em 2018, foram publicadas 589.407 notícias sobre futebol em Portugal, de acordo com um estudo da Cision. A análise revela ainda que, entre 1 de Janeiro e 30 de Novembro do corrente ano, as rádios e televisões nacionais dedicaram ao desporto-rei 14.550 horas de emissão – o equivalente a mais de 606 dias. Estes números não incluem a transmissão dos jogos propriamente ditos.

Sporting foi o “campeão” mediático: o clube de Alvalade foi citado em 188.881 artigos e foi falado durante 5.568 horas (232 dias) nas estações de rádio e televisão.

Muitas das referências não dizem respeito exclusivamente ao que se passa dentro do terreno de jogo. O “ataque” à Academia de Alcochete, um dos acontecimentos que marca o ano de 2018, foi mencionado em 12.562 notícias e foi tema de análise e debate durante 655 horas (27 dias) de emissão nos audiovisuais.

O processo “E-Toupeira”, que envolve o Benfica, foi outro dos assuntos centrais nos media portugueses monitorizados pela Cision, com 6.418 notícias e 290 horas de emissão (cerca de 12 dias).

Mais de metade da informação sobre futebol em Portugal foi veiculada em meios online (53%). Segue-se a televisão, com 23%, e a imprensa, com 21%. A rádio representa apenas 3% do total.

O objecto do estudo realizado pela Cision foram todas as notícias sobre futebol, difundidas no espaço editorial português, em mais de dois mil meios de comunicação social, no período temporal compreendido entre 1 de Janeiro e 30 de Novembro de 2018.